Notícias

Ver notícia

Com o intuito de acelerar os investimentos no sistema de saneamento básico do Mato Grosso do Sul – e atingir a meta de universalização dos serviços dentro dos próximos dez anos – a Sanesul autorizou, nesta quinta-feira (15), investimentos de R$ 2,1 milhões no município de Coxim.

De acordo com a estatal, parte do investimento será destinado a melhorias do bombeamento das Estações Elevatórias de Esgoto (ETEs) dos bairros Santa Maria e Presidente Vargas. Outra parte será destinada à estrutura de abastecimento de água

“Durante dois meses vamos viajar por todo Estado entregando as obras que foram concluídas nos últimos meses. Também vamos anunciar novos investimentos e assinar ordens de serviços já liberadas”, disse o diretor-presidente da Sanesul, Walter Carneiro Jr. “Vamos juntos percorrer uma rota de entregas de saneamento, ficar de frente com a população e os prefeitos. São investimentos viabilizados pela Sanesul e o Governo do Estado”, acrescentou.

As ETEs serão operadas pela Ambiental MS Pantanal (AMSP). A empresa foi criada a partir da Parceria Público-Privada (PPP) entre a Sanesul e o Grupo Aegea – a maior companhia privada de saneamento do país -, com o objetivo de impulsionar investimentos e dar acesso aos serviços de saneamento a mais 1,7 milhão de sul-mato-grossenses até o final de 2031. Com isso, 98% da população será contemplada.

As equipes e veículos da PPP já podem ser vistas em todas as 68 cidades em que a Sanesul já atua desde maio, quando a AMSP deu início à chamada operação plena.

Coxim foi um dos municípios que já receberam, por exemplo, um dos caminhões customizados da empresa que, por reunir vários equipamentos em um só veículo, é visto como uma solução para diminuir transtornos em obras do setor. Isso é possível, uma vez que o caminhão dispensa uso de vários veículos para a execução de um só serviço, resultando na diminuição da emissão de poluentes oriundos da queima de combustíveis fósseis.

Referência nacional, a PPP se antecipou ao marco do saneamento, sancionado em 2020. Caso a meta seja atingida até o final de 2031, o MS será o primeiro estado brasileiro a universalizar o saneamento básico, num marco histórico para o país.

“Nós, da MS Pantanal, estamos bem animados com a universalização, dada a importância do acesso ao saneamento básico à população”, disse José Octávio de Oliveira, supervisor da regional de Coxim da AMSP. “Isso vai beneficiar a todos: é mais gente tendo esgoto tratado, o que representa uma melhoria da qualidade de vida da população de Coxim, bem como da questão ambiental”, acrescentou.

Compartilhar:

Veja Também

Notícias Saiba mais
Notícias

Confira as últimas notícias da Ambiental MS Pantanal e saiba mais sobre obras, programas e projetos.

Esgotamento Sanitário Saiba mais
Esgotamento Sanitário

A Ambiental MS Pantanal trabalha diariamente para ampliar e melhorar o índice de coleta e tratamento de esgoto.

Responsabilidade Social Saiba mais
Responsabilidade Social

A atuação social e ambientalmente responsável faz parte da nossa história e do nosso propósito.

MS Pantanal leva informação e mudas de Ipês para estudantes sidrolandenses Saiba mais
MS Pantanal leva informação e mudas de Ipês para estudantes sidrolandenses

Na última semana, a Ambiental MS Pantanal participou da programação da ‘I Semana Socioambiental’, promovida pela Prefeitura de Sidrolândi...