Saneamente: MS Pantanal e SED lançam curso via WhatsApp para alunos da rede estadual

Postado por administrador em 19/set/2022 - Sem Comentários

A Ambiental MS Pantanal e a Secretaria de Educação do Mato Grosso do Sul (SED) lançaram, na última semana, o projeto de educação ambiental “Saneamente”, em escolas da rede estadual de Aquidauana e Anaurilândia, no interior do estado. O curso disponibiliza conteúdos multidisciplinares relacionados ao saneamento básico por meio do aplicativo WhatsApp.

O projeto foi lançado em uma solenidade realizada na Escola Estadual Felipe Orro, em Aquidauana, e desenvolvido pela Responsabilidade Social da MS Pantanal, com apoio da SED e da Academia Aegea – plataforma de ensino do Grupo Aegea, controlador da MS Pantanal. Até então, apenas os colaboradores do Grupo Aegea tinham acesso à plataforma.

Além do curso para os alunos, também foi disponibilizado material didático para os professores, que deve servir de apoio para que os docentes trabalhem de maneira integrada os temas abordados no curso “Ciclo Completo do Saneamento Básico”: uma trilha com pacotes de vídeos, cards e atividades que os alunos receberão pelo celular. Ao final do curso, será emitido um certificado com o nome do estudante.

Além de alunos, coordenadores e professores, participaram das cerimônias de lançamento representantes da SED, das Coordenadorias Regionais de Educação, da Prefeitura de Aquidauana, além do diretor-presidente da MSP, Celso Paschoal e do diretor de Relações Institucionais da Aegea Centro Oeste, Paulo Antunes.

“É uma honra ser a primeira escola a receber esse projeto”, disse Max de Albuquerque, diretor da escola Felipe Orro, na esteira do evento. “Essa iniciativa é muito importante para conscientizar nossos alunos sobre os impactos positivos do saneamento na saúde, qualidade de vida e educação”, completou.

Já em Anaurilândia, o diretor da Escola Estadual Maria José, José de Sá Cavalcante, diz esperar que o projeto venha a agregar valores “que sejam a conscientização dos alunos – e do ser humano – sobre a preservação do meio ambiente.

 

Saúde Nota 10: Espetáculo leva educação ambiental a alunos de Anaurilândia

Postado por administrador em 01/jul/2022 - Sem Comentários

Na última semana, alunos da rede pública de Anaurilândia viveram a experiência do teatro, numa peça que aborda temas de conscientização ambiental e a importância do saneamento básico de maneira lúdica. A ação faz parte do programa “Saúde Nota 10”, trazido pela Ambiental MS Pantanal – empresa de saneamento presente em 68 municípios do Mato Grosso do Sul.

A peça “Dona Arara Vai Casar”, apresentada aos alunos das escolas Maria José e Prof. Paulo Ney, traz uma história narrada pela ararinha Arareca, que, através da música e das rimas, batalha para preservar o seu ambiente.

Com muita música e a animação de personagens inspirados nos animais do Pantanal, o espetáculo fala da importância do saneamento básico e contextualiza os principais problemas ambientais que ameaçam os biomas brasileiros: desmatamento, queimadas, poluição dos rios, tráfico de animais e pesca predatória.

Além da peça na escola, os alunos da Maria José ainda tiveram a oportunidade de visitar a Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) do Município operada pela MS Pantanal, para ver de perto cada uma das etapas do processo de purificação do efluente é devolvido aos rios. Os alunos ainda construíram maquetes da estação, como parte do projeto da escola.

O supervisor regional da MS Pantanal, Lucas Fontes, parabenizou a excelência do trabalho dos alunos e disse “essa é a ideia do projeto: transmitir às novas gerações a importância do tratamento de esgoto, tanto para o impacto na saúde como no meio ambiente”. “Saímos aqui com a sensação de dever cumprido e o que aconteceu aqui será uma referência nas ações sociais em todo nosso estado”, acrescentou.

Já o diretor da escola Maria José, José de Sá Cavalcanti, agradeceu a parceria com a MS Pantanal e espera que esse “pontinho de luz que nasceu, se expanda junto à comunidade escolar. “Espero que isso traga a conscientização aos alunos, porque sabemos que hoje está faltando a proteção do meio ambiente, que está sendo muito agredido”.

Anaurilândia: Rota do Saneamento entrega R$ 3,4 milhões em obras de esgoto

Postado por administrador em 20/dez/2021 - Sem Comentários

O diretor-presidente da Empresa de Saneamento do Mato Grosso do Sul (Sanesul), Walter Carneiro Jr., esteve em Anaurilândia, na última quinta-feira (16), para entregar R$ 3,4 milhões em obras de esgotamento sanitário ao município, localizado a cerca de 372 quilômetros de Campo Grande.

A cerimônia de entrega contou com a presenta do prefeito Edson Takazono, que destacou a importância dos investimentos na estrutura de saneamento não apenas em Anaurilândia, mas também nos demais municípios em que a estatal está presente.

“A Sanesul é uma das empresas pioneiras que está levando a todos os municípios a questão do tratamento de esgoto”, disse Takazono. “Quando se fala em saneamento básico, se fala em saúde… Antes, a gente ouvia em noticiários a mortalidade de crianças porque as pessoas não consumiam, de forma alguma, água tratada”, afirmou. “Falo por Anaurilândia, hoje temos aqui 100% de água tratada”, acrescentou.

Durante o ato, foram inauguradas a construção de uma Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) com capacidade para 20 litros por segundo, uma elevatória de esgoto tratado, 1.287 metros de emissário, 3.246 metros de rede coletora de esgoto, 424 ligações domiciliares, reabilitação de 141 ligações domiciliares de esgoto, além de um laboratório e obras complementares. No total, foram investidos R$ 3.481.442,17 em obras.

PPP do Saneamento. A estrutura entregue pela Sanesul está sendo operada pela Ambiental MS Pantanal – empresa criada a partir da Parceria Público-Privada (PPP), entre a estatal e o Grupo Aegea.

Desde maio, a companhia assumiu os serviços de coleta, afastamento e tratamento do esgoto em todas os 68 municípios em que a Sanesul está presente.

Com a PPP, possibilitada pelo Marco Legal do Saneamento, o MS deve se tornar o primeiro estado do país a atingir a universalização do saneamento básico dentro dos próximos dez anos, garantindo acesso a mais 1,7 milhão de sul-mato-grossenses aos serviços. Para isso, a MS Pantanal estima um investimento de cerca de R$ 1 bilhão em obras.